Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ancaje - Vida Saudável

... aqui vou registando diariamente, detalhes da minha reeducação alimentar com base Crudivegana. Nesta minha nova forma de viver aprendo a comer, a valorizar-me, a dar valor ao realmente importa, a amar mais e a viver em plenitude.

Ancaje - Vida Saudável

... aqui vou registando diariamente, detalhes da minha reeducação alimentar com base Crudivegana. Nesta minha nova forma de viver aprendo a comer, a valorizar-me, a dar valor ao realmente importa, a amar mais e a viver em plenitude.

19
Jan16

Documentário brutal

Ancaje

 

 

O documentário que estou a ver agora mesmo através do NetFlix é incrível e surpreendente, conta o dia a dia de um homem com vários problemas de saúde que decide depois de tentar tudo na medicina tradicional, chinesa etc, passar 60 dias a sumos... vale MESMO a pena verem: https://www.youtube.com/watch?v=8o0pSnp0Xs8

 

19
Jan16

Tem problemas com impulsos e vontades incontroláveis por comer?

Ancaje

 

522960_427553320641980_219559148_n.jpg

 

Em termos energéticos, o que significam os impulsos e vontade incontrolável de comer certos alimentos processados? Antes de mais nada, a vontade de comer certos doces e alimentos refinados e processados diz muito sobre a nossa frequência vibracional. Quando não conseguimos resistir à pizza, bolos, bolachas, hambúrgueres e outros alimentos processados, isto significa que a nossa frequência vibracional é tão baixa, quanto a vibração dos alimentos que nos apetece comer – caso contrário, essa vontade não existiria.

 

Muita gente já se apercebeu que existe uma relação entre os estados de humor negativos e a vontade de comer alimentos refinados e processados. Qualquer pessoa se lembra também da típica imagem dos filmes, em que alguém acaba o seu namoro, a fica deprimido e a chorar, com um balde de gelado ou saco de batatas fritas. A tristeza, a depressão, a ansiedade, a frustração e medo, são estados emocionais com frequências vibracionais muito baixas, que muita gente acaba por suprimir ao comer alimentos com frequências igualmente baixas. Depois de perceber esta dinâmica, podemos facilmente revertê-la ao aprender como aumentar a nossa vibração com a ajuda da alimentação viva e outras atividades.

19
Jan16

Como curar Infecções urinários e nos rins

Ancaje

Existem estatísticas que mostram que cada 5ª ou 6ª mulher tem inflamação renal ou da bexiga – duas condições mesmo muito desagradáveis e dolorosas, que eu própria tive durante anos.

 

Depois de criarmos (através de uma alimentação inadequada) um meio interno propício a proliferação de bactérias, estes problemas surgem devido ao aparecimento de E.Coli - umas das bactérias mais resistentes a antibióticos, que provocam infecções que por vezes se arrastam literalmente durante anos. Escusado será dizer que se trata de antibióticos fortes, que embora não resolvam o problema urinário/renal de forma permanente, criam muitos estragos pelo caminho – principalmente a nível gastrointestinal. Portanto, o grande número de pessoas que decidem mudar de alimentação devido a problemas renais e da bexiga, muitas vezes têm uma flora intestinal completamente desregulada devido ao uso de antibióticos.

 

Além da alimentação crua, probióticos, enemas e hidroterapia ao cólon que ajudam muito a atenuar e até a eliminar o problema, há um remédio natural que no passado já me ajudou e agora está a ajudar também a mais pessoas com o mesmo problema:   

 

- 1 molho de salsa

- 250g de cascas de limão (biológico)

- 250g de mel biológico não processado

- 5-6cm de raiz de gengibre

- 200ml de azeite virgem

 

Basta lavar bem a salsa e as cascas de limão, cortar tudo em pedacinhos pequenos e depois misturar todos os ingredientes no liquidificador. A mistura obtida no final pode ser colocada num frasco no frigorífico. É um «antibiótico» natural, que quando combinado com a alimentação viva e natural ajuda bastante em problemas como as infecções urinárias e renais. Basta consumir 1 colher de sopa de manhã, diariamente, enquanto durar o tratamento. A mistura pode ser usada também no tratamento de outras condições inflamatórias.

19
Jan16

À vontade, à vontadinha...

Ancaje

gatosexterior.png

 

 

Estes gatinhos foram-me aparecendo no meu jardim da casa nova desde Outubro... Primeiro um (que nem sequer aparece nas fotos...), depois a gatinha branca e preta (Paty), depois o gato amarelo (ainda sem nome o pobre..) e por fim o Pika (Pikachu, nome que lhe foi atribuído porque tem uma cauda em forma de trovão... wtf?!! :P). Vão aparecendo para comer e beber, depois para pedir mimo e depois já não saiem daqui nem para dormir.

Hoje enquanto preparava o almoço, dei com o Pika nestas figuras da primeira foto!! Acho que já se deve sentir aqui como em casa, dada a postura ahahaha!

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D