Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




 

10406527_462497653886760_5431123002939673877_n.jpg

 

 

1.  Sementes de sésamo – extremamente ricas em cálcio biodisponível, que o ser humano assimila facilmente, além de serem uma boa fonte de outras vitaminas e minerais.

 

2.  Vegetais de folhas verdes (quanto mais verde escuro, melhor!) – o espinafre e os diferentes tipos de couve são ricos em cálcio e no geral, são excelentes alimentos que devemos consumir numa alimentação crudivegana.  1 chávena de chá de folhas de espinafre contém 56mg de cálcio, enquanto apenas 100g de couve contém 145g de cálcio.

 

3.  Melaço preto – trata-se de um bom substituto do açúcar branco, que pode ser usado para adoçar bolos e outras sobremesas cruas. Apenas 1 colher de sopa de melaço preto contém 172mg de cálcio. É também uma boa fonte de ferro, manganês, selénio, potássio e cobre.

 

4.  Laranjas – sim, muita gente desconhece isto, mas o cálcio que de facto absorvemos de um sumo de laranja é mais do que o que absorvemos de um copo de leite de vaca. Além disso, as laranjas têm a grande vantagem de ser simultaneamente ricas em Vitamina C, que facilita a absorção de cálcio. O ruibarbo, kiwi, tangerinas, clementinas e alperces secos também são excelentes fontes de cálcio.

 

5.  Feijão, lentilhas e outras leguminosas – no geral é raro eu recomendar estes alimentos pela simples razão que no meu dia-a-dia lido com pessoas cuja saúde não é suficientemente boa. Para quem está a lidar com problemas de saúde, o feijão e as leguminosas no geral apenas vão atrasar a recuperação e inclusivamente podem agravar o quadro, visto que são alimentos que aumentam a produção de mucosidade, isto é, são alimentos inflamatórios. Contudo, não deixam de ser uma boa opção vegan, rica em cálcio e ferro, para pessoas cujo estado de saúde é bom e equilibrado.

 

6.  Brócolo – à semelhança das laranjas, o brócolo é rico simultaneamente em cálcio e Vitamina C, que ajuda na sua absorção. Trata-se de um alimento também muito rico em ácido fólico, Vitamina A e potássio – excelente na gravidez, e na realidade, em todas as fases de vida.

 

7.  Frutos secos e sementes – Por exemplo, 100g de amêndoas cruas fornecem 266mg de cálcio. Apenas 5 tâmaras fornecem 135mg de cálcio.

 

8.  Sementes de linhaça – as sementes de linhaça devem ser moídas para poderem ser bem absorvidas e são uma excelente fonte de cálcio é ácidos gordos Ómega-3 e Ómega-6.

 

9.  Espelta – Por norma não recomendo o consumo de pão, pelas mesmas razões que não recomendo a toda a gente o consumo de leguminosas, mas dependendo do estado de saúde e objectivos de cada pessoa, o pão de espelta é uma maravilhosa alternativa ao pão normal, que vemos na maior parte dos supermercados. Felizmente, já é cada vez mais fácil de encontrar, inclusivamente nas cidades mais pequenas.

 

10.  Ervas aromáticas secas e outras plantas medicinais secas – A segurelha seca (conhecida também como satureja ou Savory, em Inglês) é talvez uma das especiarias mais típicas da Bulgária e de toda a Península Balcânica no geral. 100g de segurelha seca contêm 2132 mg de cálcio biodisponível, isto é, fácil de assimilar pelo corpo humano. Outras especiarias como o endro, o manjericão, sementes de papoila, menta, alecrim e salsa são igualmente ricas em cálcio. 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Sigam também pelo INSTAGRAM

Instagram

BIKINI BODY GUIDE - Kayla Itsines










Este blog está protegido por direitos de autor

Se quiser levar alguma foto, por favor entre em contacto primeiro para a devida autorização.


Calendário

Novembro 2016

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930